top of page
LogoNovoFazendasdoBasa-medio.jpg

Afinal, o que falta para apoiarmos os produtores de leite de menor porte???

Penso que precisamos mudar a nossa forma de pensar.

O que escrevo nessa mensagem não inclui a trágica situação que se abate sobre os Brasileiros do Rio Grande do Sul. O País está olhando para uma urgência dramática e ainda bem que muitos de nós estamos mobilizados para tentar minorar o acidente ambiental e comprometidos com a necessária reconstrução. Que possamos ajudar os Gaúchos, com a ajuda de Deus. Nesse texto estamos falando apenas em iniciar um combate efetivo ao problema endêmico no Brasil tropical. Estamos nos referindo aos produtores de leite que produzem menos de 500 kg dia e que carecem de um Gado De Leite mais rústico e produtivo, com genética consistente. São centenas de milhares de produtores que, agregando-se suas famílias,  são milhões de Brasileiros!!! Muitos sem nenhum horizonte... Na minha opinião, sem ter a pretensão de conhecer a verdade absoluta, falta mudar a forma de pensar dos agentes públicos e de várias entidades teoricamente voltadas a agir na redução dessa situação social cruel. Volto a dizer que para produzir leite é necessário começar falando de GADO DE LEITE. Pensar inicialmente em renovação de rebanhos, com a rapidez que a tecnologia disponível permite. Precisamos decidir sobre um Método ou paralisia. Enquanto não aceitarmos uma forma de pensar conectada à realidade vamos continuar a escrever planos e programas palavrosos que querem cuidar de todas as variáveis ao mesmo tempo com a mesma intensidade. É a melhor estratégia para continuar tudo como está. Se não entendermos que tratar de Gado de Leite para começar, jamais vamos cuidar a tempo da MUDANÇA DE ATITUDE, do poder da esperança junto aos produtores rurais. Escolher, priorizar, não significa abandonar as outras variáveis como mercado, nutrição, sanidade, manejo, conforto animal etc etc. Pensar corretamente como apoiar os produtores de leite exige visitar as experiências vitoriosas e comparar resultados. Não estamos pensando direito. Assim não teremos uma mudança impactante para os valorosos produtores de leite do Brasil.


Evandro Guimarães

Комментарии


bottom of page